Vendedores apostam nas redes sociais para divulgar suas ofertas na Black Friday 2017

Black Friday, uma das datas mais esperadas do comércio, teve alta de 17% no e-commerce em 2016, com um faturamento total de R$ 1,9 bilhão, segundo a Ebit.

 

Em 2017, a expectativa é de que o evento seja ainda maior: 60% dos consumidores está esperando a Black Friday para comprar algum produto, e a principal forma de divulgação das promoções será pelo Facebook – 100% dos vendedores entrevistados pretende divulgar seus descontos na rede social. É o que aponta um levantamento do Mercado Pago, empresa de tecnologia de serviços financeiros, realizado com consumidores e vendedores.

As compras serão realizadas majoritariamente online: 64% dos consumidores utilizarão a internet porque podem comparar preços em diferentes sites, e 41% usará celular ou tablet para comprar. “Dado que a maioria dos consumidores utilizará a internet para comparar preços e comprar, usar as redes sociais como estratégia de divulgação é uma excelente opção para o comércio eletrônico, porque podem ampliar a conversão: o cliente sai do anúncio do Facebook direto para sua página de compras, seja no computador ou no celular”, comenta Rodrigo Silva, Head de Marketing do Mercado Pago.

Os vendedores também vão apostar em benefícios adicionais, como maior parcelamento sem juros e frete grátis, além do desconto de 40 e 50%, segundo o levantamento. “O principal na hora de planejar a precificação das ofertas é ser transparente, já que o consumidor está cada vez mais atento na hora de realizar uma compra. Entender o comportamento do cliente em seu site e saber quais as categorias de produtos e serviços mais buscados vai proporcionar melhores resultados na Black Friday”, aponta Rodrigo. O estudo aponta ainda que a expectativa é que o ticket médio gire em torno de R$ 500,00 e R$ 1000,00.

Um outro ponto interessante levantado nas respostas dos consumidores foi que, apesar de a Black Friday ainda ter a fama de maquiar seus preços – 40% não acredita nos descontos da data – mais de 70% desses respondentes estão dispostos a realizar uma compra caso encontrem descontos significativos.

Fonte: ecommercebrasil

WhatsApp chat